5 cuidados importantes ao visitar parques aquáticos com crianças

0

Chegou a temporada de verão, de férias escolares e de sair da rotina com passeios diferentes! Para aproveitar esse clima cheio de alegria, a família costuma ficar ainda mais unida. E no calor, uma opção que agrada tanto aos adultos quanto às crianças – e que é ideal para quando os pais têm pouca disponibilidade (um dia ou pouco mais que isso) – são os parques aquáticos.

Justamente para garantir a diversão de todos e a segurança dos pequenos, a atenção a alguns pontos são essenciais, mas podem passar batido… Para evitar acidentes e imprevistos, separamos os 5 cuidados importantes ao visitar parque aquáticos com crianças. Confira!

1 – Leve protetor solar (e use!)

Por mais que você ouça constantemente sobre a importância do protetor solar, ainda mais durante o verão, é sempre bom enfatizar: é imprescindível que você sempre carregue esse item aonde for! Além de evitar queimaduras e insolação, que frequentemente estragam o verão de muitas pessoas, essa é a melhor forma de se proteger contra o câncer de pele.

E, com crianças no passeio, redobre o cuidado! Opte sempre por fatores mais altos para a pele mais sensível dos pequenos. Outra prática essencial é passar o protetor com frequência durante o dia. Mesmo que as embalagens do produto digam que é à prova d’água, o ideal é passar de duas em duas horas para garantir a proteção! E, para completar, chapéus e óculos de sol também são recomendados.

2 – Mantenha garrafinhas de àgua sempre à mão

A hidratação é essencial em qualquer idade, mas mais ainda para crianças, que estão sempre brincando, gastando energia e transpirando! Beber água faz toda a diferença no funcionamento do organismo, principalmente nos dias mais quentes. No caso dos pequenos, a água ajuda a driblar o calor, evitar o cansaço, a dor de cabeça e a desidratação.

Por isso, sempre providencie água para os passeios, de preferência em garrafas ou bolsa térmicas para garantir a temperatura amena. Vale se certificar de que no local do passeio tenha água para comprar ou outros líquidos ou alimentos que tenham água na composição (como as frutas ou até mesmo picolés).

3 – Prepare lanchinhos leves para o dia

A fome pode deixar qualquer um irritadiço e acabar estragando o humor e o passeio. Mas, vai bem além disso a necessidade de se alimentar bem: é essencial para manter a energia para as atividades. E aqui não falamos de qualquer lanche, mas sim dos nutritivos! A dica é usar a criatividade para fazer com que os lanchinhos sejam atrativos para os pequenos.

Nossa sugestão é preparar uma lancheira (térmica, de preferência) com:

  • sanduíches naturais, com bastante salada e até algum tipo de proteína (como pastas de frango ou ovo cozido picadinho);
  • as frutas da estação, e que a criança gosta, cortadinhas;
  • alguns biscoitos integrais ou de grãos.
Lanches saudáveis numa lancheira
Fonte: Pinterest

4 – Leve toalha e mudas de roupa

Parque aquático é feito para se molhar, não é mesmo? Mas, na volta para casa, todos precisam estar bem secos e vestidos. Por isso, para evitar incômodos, já pense na saída da piscina, e separe toalhas e mudas de roupa! Além disso, outra dica é separar alguns saquinhos plásticos para colocar as roupas molhadas e não acabar molhando a mochila.

5 – Colocar uma pulseira identificadora na criança

Parques aquáticos costumam ser bastante procurados e movimentados no verão, cheios de outras famílias com crianças. Apesar de ser uma situação que assusta só de pensar, o seu filho pode acabar se perdendo no meio de tantas pessoas e o melhor jeito de evitar um incidente é se preparando.

Nossa dica é utilizar pulseiras identificadoras! Você pode encontrar este produto em lojas online ou fazer em casa com algum material impermeável, com as informações mais importantes como:

  • nome da criança;
  • nome do responsável;
  • telefone para contato.
Pulseira de identificação para crianças
Fonte: Roteiro Baby

 

Além disso, oriente seu filho sobre como deve agir caso se perca. Lembre-o de permanecer por um tempo onde estiver ou de voltar para onde esteve com você pela última vez. Outra ideia é marcar um ponto de encontro, caso se percam.

Enfim, essas foram as cinco dicas que vão garantir um passeio aquático divertido e seguro. Agora é só escolher onde será o passeio! Confira as nossas dicas de Melhores Parques Aquáticos do Rio Grande do Sul e boas férias!

Você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

´